Tomatinhos Confitados

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012



Na verdade esse não é o verdadeiro confit - primeiro porque os tomatinhos não ficam completamente mergulhados em gordura (azeite no caso) e segundo porque o tempo de preparo é beeeeem menor e a temperatura mais alta.
Mas isso não me impede de achá-los MARAVILHOSOS!!! Essa é uma receita que já tem e sempre terá lugar garantido aqui em casa. Eu e marido amamos e é tão, mas tão fácil de fazer que chega a ser besta!

As medidas não são certinhas, mas não tem erro:

500g de tomatinhos (usei o italiano mini) lavados e secos
Aproximadamente 1/3 de xícara de azeite extra virgem
Majericão (eu não tinha e usei um pouquinho de azeite aromatizado com manjericão)
Alecrim a gosto
Orégano a gosto
Pimenta do Reino moída na hora a gosto
Sal Grosso (usei flor de sal) a gosto
Alho laminado (usei 8 dentes grandões)


Coloque os tomatinhos espalhados num refratário e jogue os temperos (menos o sal) e o azeite. Mecha um pouquinho e leve para o forno (180º) por aproximadamente 30 ou 35 minutos. 


Dá pra ver que o azeite fica só no fundo né?
Eu gosto MUITO  de alho, então capricho! 
Depois desse tempo eles vão estar assim:




Aí eu deixo esfriar um pouco e coloco o sal a gosto. Eu uso as vezes sal grosso as vezes flor de sal, mas nunca sal refinado e nunca antes de assar porque gosto de sentir a "crocância" do cristal. A flor de sal é essa aqui:



Aí depois é só aproveitar essa delícia!!! Gosto de comer com pão rústico ou italiano, mas dá pra usar num macarrãozinho (com bastante parmesão). Nhami! Gostoso demais!!!!

Ah! Pode guardar em geladeira, preferencialmente em vasilha de vidro e lá no fundo, onde a temperatura não é tão baixa para o azeite não ficar pastoso. Eu coloco em cima da gaveta de legumes, nunca nas prateleiras de cima. Mas mesmo assim, se o azeite começar a solidificar um pouco é só deixar um tempinho em temperatura ambiente, porque com esse calorão ele volta ao normal em alguns minutos.




Pavê de Verão

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012



Este pavê é uma receita antiga da minha mãe e sem dúvida é uma das minhas preferidas. É simples, fácil, rápida, relativamente econômica e muuuito saborosa! Um pavê molhadinho e que fica maravilhoso tanto em sua versão clássica quanto em versões mais elaboradas, já que ele aceita mistura de sementes, chocolate, frutas, etc.

Para fazer você vai precisar de:
04 ovos separados (gemas para o creme amarelinho e claras para o chantilly)
01 lata de leite condensado
01 medida de lata com leite integral
01 fava de baunilha ou 02 colheres de sopa de extrato da mesma
200g de biscoito tipo Champgne (aproximadamente)
01 xícara de leite (eu uso 2/3 de leite e 1/3 de conhaque)
02 colheres de chocolate em pó
01 lata de creme de leite sem soro
04 colheres de açúcar refinado

Então vamos lá:

Para fazer o creme amarelinho do fundo é só levar ao fogo o leite condensado, o leite (medida da lata), as gemas e a baunilha. Misturo tudo muito bem e coloque em fogo baixo até adquirir uma consistência de pudim de caixinha (não tão grosso nem muito ralo). Vire na travessa que você for servir e deixe na geladeira para esfriar um pouco e adquirir uma certa consistência.

Em seguida, mergulhe os biscoitos no leite misturado com chocolate em pó (eu coloco um pouco de conhaque para dar um sabor mais marcante). Deixe os biscoitos pegarem um pouco da umidade do leite para ficarem macios. Eu costumo mergulhar, deixar uns 20 segundos, virar do outro lado e deixar mais uns 20 segundos de novo. Mas isso porque gosto do pavê mais molhadinho. Se quiser ele mais firme é só deixar os biscoitos ficarem mais durinhos mesmo.

Depois de acomodar os biscoitos lado a lado por cima do creme de leite condensado você pode incrementar e colocar o que quiser ... cereja, pêssego, nozes, chocolate ralado, enfim ... dá pra variar bastante! Mas eu não coloco nada porque AMO a versão mais clássica e acho que ela não fica devendo nada!

Aí é só fazer o chantilly de cobertura. Na batedeira bata as claras em neve, num ponto não muito firme. Acrescente o açúcar e em seguida o creme de leite sem soro. Misture só mesmo para incorporar tudo porque se bater em excesso o creme desanda e fica esquisito. 
Aí é só virar por cima e decorar do seu jeito. Na versão aí de cima eu coloquei cacau em pó (usei uma peneirinha para espalhar) e no reveillon eu fiz para levar pra casa de uma amiga colocando Bis picadinho por cima. Fica bom de qualquer forma, até sem decoração alguma!!!




Ah! É bom deixar na geladeira por pelo menos umas 06 horas antes de servir, porque ele é bom bem geladinho!




Vou encerrar o post colocando foto das minhas duas peludinhas lindas, que são minhas companheiras para toda hora! Olívia Palito e Filomena Maria, meus amores!!!!






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...